Pesquisar este blog

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

100 presos são recapturados após motim no CPP de Jardinópolis, SP

100 presos são recapturados após motim no CPP de Jardinópolis, SP

200 detentos fugiram após atear fogo e derrubar grade de presídio.
Maior parte dos fugitivos foi encontrada no meio de canaviais.

Do G1 Ribeirão e Franca









A Tropa de Choque da Polícia Militar (PM) invadiu o Centro de Progressão Penitenciária (CPP) de Jardinópolis (SP), no fim da manhã desta quinta-feira (29), para conter o motim organizado na unidade prisional. Dos 200 fugitivos, 100 foram recapturados, segundo reportagem da EPTV

Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), a situação no local já foi controlada e não houve reféns. A rebelião começou por volta das 9h, durante a revista de rotina, e não há informações de feridos.
Presos são recapturados após fuga do CPP de Jardinópolis, SP (Foto: Reprodução/EPTV)Presos são recapturados após fuga do CPP de Jardinópolis, SP (Foto: Reprodução/EPTV)




















Motim
Os presos atearam fogo em colchões de um dos pavilhões do presídio, derrubaram uma grade de quatro metros de altura e fugiram a pé pela Rodovia Cândido Portinari. Segundo a Polícia Militar, alguns dos fugitivos se esconderam no meio de canaviais, às margens da via.
Durante a manhã, os fugitivos foram recapturados no meio da plantação de cana-de-acúcar e alguns se entregaram. Os presos foram apreendidos e levados em viaturas da PM, caminhonetes e ambulâncias de volta para a unidade prisional.
Presos em fuga colocaram fogo no canavial ao lado do CPP de Jardinópolis, SP (Foto: Reprodução/EPTV)Presos em fuga colocaram fogo no canavial ao lado do CPP de Jardinópolis, SP (Foto: Reprodução/EPTV)


















Os fugitivos recapturados foram colocados no pátio da unidade prisional para contagem e o CPP passam por uma varredura. Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária, outros presos foram encaminhados para a unidade de Ribeirão Preto (SP).
No início da tarde, familiares dos presos começaram a chegar ao presídio para acompanhar a situação no local. O Centro de Progressão Penitenciária (CPP) deJardinópolis tem capacidade para 1.080 presos em regime semiaberto e atualmente abrigava 1.864 detidos.
Após escapar do CPP, preso corre pelo canavial em Jardinópolis, SP (Foto: Reprodução/EPTV)Após escapar do CPP, preso corre pelo canavial em Jardinópolis, SP (Foto: Reprodução/EPTV)


















Buscas em rio
De acordo com o Corpo dos Bombeiros, alguns dos presos também fugiram pelo Rio Pardo. Viaturas da corporação de Ribeirão Preto se deslocaram até a unidade prisional para ajudar no combate às chamas e realizar buscas no rio.
Viaturas da Força Tática da Polícia Militar e o helicóptero Águia também foram ao local para dar apoio e ajudar a controlar o motim e recapturar os fugitivos.

100 presos são recapturados após motim no CPP de Jardinópolis, SP

200 detentos fugiram após atear fogo e derrubar grade de presídio.
Maior parte dos fugitivos foi encontrada no meio de canaviais.

Do G1 Ribeirão e Franca
A Tropa de Choque da Polícia Militar (PM) invadiu o Centro de Progressão Penitenciária (CPP) de Jardinópolis (SP), no fim da manhã desta quinta-feira (29), para conter o motim organizado na unidade prisional. Dos 200 fugitivos, 100 foram recapturados, segundo reportagem da EPTV
Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), a situação no local já foi controlada e não houve reféns. A rebelião começou por volta das 9h, durante a revista de rotina, e não há informações de feridos.
Presos são recapturados após fuga do CPP de Jardinópolis, SP (Foto: Reprodução/EPTV)Presos são recapturados após fuga do CPP de Jardinópolis, SP (Foto: Reprodução/EPTV)









Motim
Os presos atearam fogo em colchões de um dos pavilhões do presídio, derrubaram uma grade de quatro metros de altura e fugiram a pé pela Rodovia Cândido Portinari. Segundo a Polícia Militar, alguns dos fugitivos se esconderam no meio de canaviais, às margens da via.
Durante a manhã, os fugitivos foram recapturados no meio da plantação de cana-de-acúcar e alguns se entregaram. Os presos foram apreendidos e levados em viaturas da PM, caminhonetes e ambulâncias de volta para a unidade prisional.
Presos em fuga colocaram fogo no canavial ao lado do CPP de Jardinópolis, SP (Foto: Reprodução/EPTV)Presos em fuga colocaram fogo no canavial ao lado do CPP de Jardinópolis, SP (Foto: Reprodução/EPTV)









Os fugitivos recapturados foram colocados no pátio da unidade prisional para contagem e o CPP passam por uma varredura. Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária, outros presos foram encaminhados para a unidade de Ribeirão Preto (SP).
No início da tarde, familiares dos presos começaram a chegar ao presídio para acompanhar a situação no local. O Centro de Progressão Penitenciária (CPP) deJardinópolis tem capacidade para 1.080 presos em regime semiaberto e atualmente abrigava 1.864 detidos.
Após escapar do CPP, preso corre pelo canavial em Jardinópolis, SP (Foto: Reprodução/EPTV)Após escapar do CPP, preso corre pelo canavial em Jardinópolis, SP (Foto: Reprodução/EPTV)









Buscas em rio
De acordo com o Corpo dos Bombeiros, alguns dos presos também fugiram pelo Rio Pardo. Viaturas da corporação de Ribeirão Preto se deslocaram até a unidade prisional para ajudar no combate às chamas e realizar buscas no rio.
Viaturas da Força Tática da Polícia Militar e o helicóptero Águia também foram ao local para dar apoio e ajudar a controlar o motim e recapturar os fugitivos.
Presos que ficaram no CPP são colocados no pátio pela polícia em Jardinópolis, SP (Foto: Reprodução/EPTV)
Presos que ficaram no CPP são colocados no pátio pela polícia em Jardinópolis, SP (Foto: Reprodução/EPTV)Presos que ficaram no CPP são colocados no pátio pela polícia em Jardinópolis, SP (Foto: Reprodução/EPTV)

Total de visualizações de página