Pesquisar este blog

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Agente penitenciário é morto a tiros na porta de casa em Campinas

Agente penitenciário é morto a tiros na porta de casa em Campinas

Vítima foi baleada no Parque União da Vitória no início da noite de terça.
Cleoni Geraldo Lima trabalhava no Ataliba Nogueira, em Hortolândia.

Do G1 Campinas e Região
Um agente penitenciário que trabalha no Presídio Ataliba Nogueira, em Hortolândia (SP), foi morto a tiros na noite desta terça-feira (7) em Campinas (SP) na porta da casa onde morava.  Cleoni Geraldo Lima, de 50 anos, deixava a residência no bairro Parque União da Vitória, quando dois homens desceram de um carro e começaram a atirar. Dois dos disparos atingiram a cabeça da vítima. Ao todo, segundo os policiais militares, foram sete tiros de arma calibre 9 milímetros.

Os projéteis atingiram também a lataria e o vidro lateral do carro do agente. Doze cápsulas de munições foram encontradas no local. Segundo testemunhas, mesmo baleado o agente tentou fugir e correu por cerca de 20 metros. Os assassinos o perseguiram e fizeram mais disparos. Ele foi levado para o hospital, mas não resistiu. “É uma cena difícil de engolir. Era um cara trabalhador. Pai de família. Todo mundo que conhece o Cleoni está revoltado por causa da brutalidade”, disse o vizinho da vítima Diderot Cardoso. Lima havia ingressado no serviço penitenciário em dezembro de 1990.
Veículo periciado
Um veículo prata, que pode ter sido usado no crime, foi encontrado no Jardim Florence II. Segundo a polícia, ele foi roubado e já passou por perícia, mas não havia sido recolhido na madrugada desta quarta-feira (8). A Polícia Civil pediu que a Polícia Militar preservasse o local onde o carro estava, mas os policiais teriam dito que não poderiam porque teriam que dar prioridade ao policiamento nas ruas. Segundo a EPTV, o delegado Filipe Carvalho, disse que registraria um boletim de ocorrência por prevaricação, que é o crime praticado por servidor público. A Polícia Militar disse que preservou os dois locais e que tudo seguiu nos trâmites da lei.
SAP
A Secretaria de Adminsitração Penitenciária (SAP) informou por meio de nota à imprensa que está prestando ajuda para a família da vítima. Informou ainda que pediu para a Secretaria de Segurança Pública (SSP) investigue o mais rápido possível o crime. Ninguém foi preso.
Carro do agente penitenciário de Campinas morto na noite de terça-feira (Foto: Reprodução EPTV)Carro do agente penitenciário de Campinas morto na noite de terça-feira (Foto: Reprodução EPTV)
tópicos:

Total de visualizações de página