Pesquisar este blog

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Vídeo Estado permite um celular por preso Rede TV


Estado permite um celular por preso, aponta relatório

Josmar Jozino
do Agora
Documentos secretos obtidos pelo Agora revelam que a SAP (Secretaria da Administração Penitenciária) sabia desde fevereiro de 2009 que os chefões do PCC (Primeiro Comando da Capital) presos na Penitenciária 2 de Presidente Venceslau (611 km de SP) tinham ao menos 592 telefones celulares e chips à disposição nas celas.
O número correspondia, na época, a cerca de um aparelho por detento -o presídio, de segurança máxima, abrigava pouco mais de 600 presidiários em 2009.
Mesmo sendo informada sobre o problema, a secretaria não impediu o uso dos celulares pelos criminosos.
Resposta
A reportagem procurou a SAP (Secretaria de Estado da Administração Penitenciária) para que comentasse o resultado das varreduras eletrônicas realizadas nos presídios de segurança máxima.
A assessoria de imprensa informou que o secretário Lourival Gomes não iria se manifestar.
O Depen (Departamento Penitenciário Nacional) disse que não poderia se pronunciar porque as informações são sigilosas e ligadas à área de inteligência.
  • Leia esta reportagem completa na edição impressa do Agora nesta quarta, 20 de novembro, nas bancas

Total de visualizações de página