Pesquisar este blog

quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Preso é morto por companheiro de cela na Penitenciária de Montalvão

Preso é morto por companheiro de cela na Penitenciária de Montalvão

Segundo a polícia, asfixia e agressões na cabeça levaram à morte.
Detento foi encontrado por agente penitenciário, no momento da contagem.

Do G1 Presidente Prudente
Comente agora
Um preso foi morto na manhã desta quarta-feira (20) na Penitenciária "Wellington Rodrigo Segura", localizada na estrada vicinal Raimundo Maiolini, em Presidente Prudente, no distrito de Montalvão. De acordo com informações do boletim de ocorrência, Fábio Ferreira Quintino, de 31 anos, foi encontrado na cela por um agente penitenciário, no momento da contagem de presos.

Em depoimento à polícia, o agente declarou que se dirigiu à cela 4 do presídio e solicitou aos presos que se levantassem para a conferência, quando percebeu que um continuou deitado e coberto. Um dos presos levantou o braço do homem que estava deitado. Porém, o agente exigiu que o detento se levantasse, a ordem dada por ele não foi cumprida e, então, ele percebeu que algo havia acontecido.
Os presos declararam ao agente que haviam matado o homem, ainda segundo o boletim de ocorrência. Posteriormente, um deles, colega de cela do preso, confessou ser o responsável pela morte.
O companheiro não especificou a forma e nem os motivos que o levou a praticar o homicídio. Conforme informações do boletim de ocorrência, ele informou à polícia que bateu a cabeça do preso contra o solo, causando lesões na parte posterior e na testa, além de golpeá-lo no pescoço com um objeto cortante e utilizar uma linha.
A perícia foi acionada até o local e os policiais constataram que a cabeça do preso foi golpeada várias vezes contra o solo. Sinais de asfixia também foram identificados.
Diante das provas encontradas pela polícia, o preso foi indiciado e responderá pelo crime de homicídio qualificado, já que foi considerado grave e hediondo. O detento cumpria pena por roubo.
Nas duas últimas semanas, dois homicídios foram registrados contra detentos na Penitenciária 2 de Presidente Venceslau. Um preso foi morto no dia 8 deste mês, dentro da cela onde cumpria pena com outros três detentos, enforcado com dois pedaços de corda, segundo a polícia. No dia 13, outro detendo foi encontrado morto na cela, vítima de enforcamento. Cinco homens que cumpriam pena juntos com o preso confessaram o crime.

Total de visualizações de página