Pesquisar este blog

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Sifuspesp cobra posição sobre Bônus

Sifuspesp cobra posição sobre BônusPDFImprimirE-mail
Seg, 09 de Fevereiro de 2015 07:59
003-2015 - SIFUSPESP X  SAP - Bonus
Bônus ainda precisa de consenso e aprovação da Alesp para virar lei e ser implementado
O Sindicato dos Funcionários do Sistema Prisional do Estado de São Paulo (Sifuspesp) cobrou, nesta sexta (06/02), informações ao secretário de Administração Penitenciário, Lourival Gomes sobre o bônus de resultado penitenciário (BRP), por meio de ofício.

O Sifuspesp defende de que os benefícios para os funcionários do sistema prisional sejam para todos, servidores da guarda, escolta e da área meio e de apoio.O diretor de Formação da entidade, Fábio Jabá, afirma que “a posição do Sifuspesp é contra o bônus e a Dejep, pois medidas como essas incentivam competitividade e a desunião da categoria. Necessitamos de aumento real e de melhores condições para executar nossas funções. No entanto, já que virou lei no caso da Dejep, nós temos que fazer que seja justo”, completa Jabá.

Caminho para implementação ainda é longo
Apesar de fazer parte do acordo para o fim da greve de 2014, quase um ano depois, o bônus não implementado pelo governo. Em março, provavelmente, os sindicatos devem realizar nova reunião e, caso entrem em consenso, o Governo do Estado deve editar lei e encaminhar para a Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp). Em uma perspectiva de a lei ser aprovado até julho deste ano, o presidente do Sifuspesp avalia que em um ano, ou seja, julho de 2016, os servidores começariam a receber os bônus.
O Sifuspesp exige uma resposta imediata, já que a campanha deste ano está sendo encaminhada e ainda existem questões do ano passado para serem resolvidas.

Total de visualizações de página